quarta-feira, 9 de janeiro de 2013

Resiliência




Resiliência

Uma forma de viver a vida com maior qualidade é sendo resiliênte. Ou seja, se tornar resistente, forte, confiante, perante as dificuldades que se encontra por aí.
Mas o que podemos observar, é que muitas pessoas por medo de enfrentar o pior, e por medo de dificuldades, acabam se estacionando aonde se encontram. Mantém o mesmo emprego por anos, preferem ficar calados ao invés de expor sentimentos e provocar algum sentimento difícil de suportar, não se desfazem de relações por medo de se machucar. Outras pessoas vivem estressadas, reclamam de tudo, ficam depressivas, e gastam muita energia falando... Falando... Parece que não encontram a solução para os problemas.
Acontece que perdendo o medo, e ultrapassando seus limites, e principalmente enfrentando as dificuldades com a cabeça erguida, é que se adquiri resiliência!
Resiliência para a física é a capacidade de um material voltar ao seu estado normal depois de ter sofrido tensão. Portanto você só saberá se é resiliênte se enfrentar as dificuldades, e perceber que aquilo não alterou seu estado de equilíbrio, pelo menos não por muito tempo, só durante um período, o que é normal.
Todos nós podemos nos tornar resiliêntes, começando primeiramente a sair da “zona de conforto”. Sair do casulo que se forma quando existe medo, impedindo que a pessoa exponha os sentimentos, emoções. É preciso se desfazer da “surdez” que toma conta muitas vezes, impedido que exista sofrimento. Existe a “cegueira” também, pois ele nos impede que vejamos o pior do mundo, e busquemos sempre pelo mais confortável, pela diversão, pois ela é que nos faz ser “feliz”.
Essa felicidade aí que todos querem e acham que tem. Existe aquele famoso ditado: “Em terra de cego quem tem um olho é rei” Isto quer dizer que quem vê um pouco já é um máximo. Por isso para ser uma pessoa resiliênte é preciso lutar! Ir à busca de mais, não se conformar, nunca estar completamente satisfeito, pois a vida é uma busca, é estar sempre se aprimorando.
Difícil.Você pode estar pesando...É,mas para  muitas pessoas nada é difícil. E se a gente pensa que algo é difícil, já é um sinal de fraqueza, e aí é que temos que parar e rever o nosso grau de resistência com as dificuldades da vida.
Assim nos coloco a pensar. “O que não provoca minha morte faz com que eu fique mais forte”. Já dizia Friedrich Nietzsche.
Paula Chaves

5 comentários:

  1. fraqueza,derrota,não poder?é um estado mental,exercitemos nossa mente e moveremos o mundo.Paula estou adorando suas postagens,dps desse tempo sumida agora nos fala um pouco como está sua vida,como estar seu processo de montra a clinica,tenho certeza que todos nós que lemos seu blog estamos curiosos.

    ResponderExcluir
  2. O Blog voltou a ativa? Uebaaaaaa!!!
    Suas postagens fizeram falta...espero que desta vez seja para valer!!
    Aproveitando para desejar um 2013 Feliz repleto de realizações!
    Bjs

    ResponderExcluir
  3. o que é difícil já me assustou, hoje em dia percebo que acontece porque tem uma razão.
    Beijinho*

    ResponderExcluir
  4. Adorei o blog...cheguei por causa de uma imagem, deixei recado lá também e agora vim para a página inicial e me tornei tua seguidora...com certeza virei mais vezes aqui...abrs
    http://claudiaroma.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Juro que vou ser breve - rsss. Um boa reflexão. Vou utilizar em meu comentário um trecho da música do Jota Quest ( Do seu lado) "Mas, tudo que acontece na vida tem um momento e um destino,
    viver é uma arte um oficio, só que precisa cuidado, pra perceber que olhar só pra dentro é o maior desperdício". Viver é, de fato, uma arte. É preciso ter acima da resilência, conforme sua reflexão, sabedoria (talvez, seja diretamente proporcional essa relação). Amo essa qualidade, adjetivo, esse estado de espírito. No entanto, nos tornamos "sábios", ou melhor, nossas atitudes vão se tornando mais sábias em doses homeopáticas à medida que erramos... acertamos... choramos... nos alegramos... vivemos... desafiamos... amadurecemos... juntando todos esses ingredientes há grandes chances de se adiquirir "sabedoria". É por meio dela, acredito eu, que agimos com segurança, certeza que mesmo que não tenhamos feito a coisa certa era exatamente isso que deveria ter sido feito... nossa... talvez, esteja confuso. Mas, é exatamente isso que quero dizer.
    Citei no comentário a sabedoria, pois me utilizando de uma parte do seu texto "Resiliência para a física é a capacidade de um material voltar ao seu estado normal depois de ter sofrido tensão", quero que me permita discordar de você (em parte)... Vejamos... De fato, SABER lidar com as dificuldades da vida, ter coragem para enfrentar os problemas, superar e ultrapasssar os obstáculos que a vida impõe é uma caracterísitca ímpar. Assim, é exatamente nesse ponto que discordo da conceituação, pois é impossível um ser humano, uma pessoa, um sujeito de consciência ao vivenciar algo em sua vida... sei lá... dificuldades, doenças, separações, perdas, grandes mudanças... voltar ao estado normal, o qual se encontrava, depois de ter sofrido uma tensão... Acredito, sim, que uma pessoa ao ter uma postura perante uma determinada situação de forma resilente, jamais irá sair daquele momento, episódio com a mesma ótica da vida... jamais irá sair de uma situação de tensão, estresse, mudanças como entrou... com os mesmos valores ou sentimentos, ou melhor, acredito, que, jamais, depois de ter vivenciado situações adversas, quaisquer que sejam, uma pessoa voltará ao seu estado normal... acredito, que, com certeza, algo terá ocorrido... alguma mudança se fará presente, pois terá aprendido algo... não acredito que alguém vivencie uma grande tensão ou impacto e nada aconteça... hum!!! a vida é sábia demais para que passe por nós despercebida... com certeza, algo terá ocorrido, mudado de alguma forma. Por isso, encaixei a sabedoria no comentári, pois ao termos uma postura resilente, de mudanças, desafiadora, questionadora perante a vida, com certeza, a maturidade entra em cena para dar lugar a atitudes e posturas sábias... Afinal, viver é uma arte e precisamos viver de dentro pra fora... Bom restinho de semana... Até mais...

    ResponderExcluir